voltar

Look afro

A Fê queria renovar o visual da sua poltrona dos anos 1960 e já tinha procurado alguns tapeceiros pra isso. Só que ninguém resolvia o problema dos pés da frente que estavam quebrados no encaixe. Ou melhor, diziam que resolviam mas depois voltava a quebrar. Ficou claro que a poltrona tinha problemas na estrutura dos pés, coisa que nenhum tapeceiro resolve. Mas a Casa Grim resolve!

Então a primeira etapa dessa restauração foi na marcenaria, onde fizemos dois novos pés iguaizinhos aos originais e depois foram fixados de forma profissional. Pronto, agora a poltrona estava firme de verdade e pudemos partir para a etapa visual.

A inspiração para a transformação veio da própria história da Fê, que morou na África quando era criança. A família toda tem ótimas memórias dessa passagem por Angola... Sugerimos então sair do lugar comum e ousar fazer um projeto que tivesse essa alma africana, algo que homenageasse e fizesse lembrar essa história bonita que a família viveu anos atrás. Depois de algumas pesquisas, desenhos e simulações, chegamos à ideia final: combinar um lindo tecido africano com a nobreza do veludo, criando um equilíbrio de cores e texturas que enche os olhos de quem vê. Mais um projeto feliz.

"Só a Casa Grim mesmo pra trazer de volta à vida uma preciosidade como essa. Trabalho impecável não apenas no aspecto estrutural, mas principalmente na proposta criativa. Super feliz com o resultado, amiga artista!"

Fernanda Corrêa Kós
Fernanda Corrêa Kós
  • antes
  • depois
Look afro